Após reunião com Lula, Haddad diz que Orçamento para Bolsa Família está garantido

Após reunião com Lula, Haddad diz que Orçamento para Bolsa Família está garantido

Hoje a Caixa paga a parcela de fevereiro do benefício para quem tem NIS final 5

AE e Agência Brasil

publicidade

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, afirmou nesta sexta-feira que o Orçamento para o programa Bolsa Família está garantido, assim como "todos os compromissos de campanha" estão mantidos. A declaração foi dada em rápida conversa com jornalistas em frente ao Ministério da Fazenda logo após reunião de ministros com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, para tratar da agenda social do governo no Palácio do Alvorada no período da manhã.

Na reunião com Lula, também estavam presentes os ministros da Casa Civil, Rui Costa, e de Desenvolvimento Social, Wellington Dias. Na semana passada, Dias disse que a expectativa da pasta é de que cerca de 2,5 milhões dos beneficiários do Auxílio Brasil, que volta a se chamar Bolsa Família, têm grandes indícios de irregularidade.

Hoje a Caixa paga a parcela de fevereiro do Bolsa Família aos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) de final 5. O valor mínimo corresponde a R$ 600. Segundo o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, neste mês o programa de transferência de renda do governo federal alcançará 21,86 milhões de famílias, com um gasto de R$ 13,2 bilhões. O valor médio recebido por família equivale a R$ 606,91.

Desde o mês passado, o programa social voltou a se chamar Bolsa Família. O valor mínimo de R$ 600 foi garantido após a aprovação da Emenda Constitucional da Transição, que permitiu a utilização de até R$ 145 bilhões fora do teto de gastos neste ano, dos quais R$ 70 bilhões estão destinados a custear o benefício.

O pagamento do adicional de R$ 150 para famílias com crianças de até 6 anos ainda não começou. Em janeiro, o ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Wellington Dias, afirmou que o valor extra só começará a ser pago em março, após o governo fazer um pente-fino no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), para eliminar fraudes.


Técnica é usada no preparo do espetinho

Empreendedor aprimorou o negócio com pesquisas e cursos

Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895