Pequenos ampliam venda virtual

Pequenos ampliam venda virtual

100,5 milhões de reais, este foi o valor apurado no comércio digital do setor em 2022, 11% superior a 2021

Correio do Povo

publicidade

Os pequenos e médios negócios on-line do Rio Grande do Sul movimentaram R$ 100,5 milhões com o comércio digital em 2022, valor 11% superior ao de 2021 (R$$ 90,8 milhões). Os dados são da 8ª edição do NuvemCommerce, estudo anual sobre e-commerce e empreendedorismo realizado pela Nuvemshop, plataforma para criação de lojas on-line que é líder na América Latina. O volume de produtos comercializados cresceu cerca de 7% no último ano, com um aumento de 1,5 milhão para 1,6 milhão. E o ticket médio chegou a R$$287,12, mais 12%.

Para Luiz Natal, gerente de Desenvolvimento de Plataforma da Nuvemshop, o Estado teve boa evolução no e-commerce apesar do ano desafiador. “Nosso estudo aponta que o comércio on-line segue crescendo no Brasil e, principalmente, nos pequenos e médios negócios locais. O Rio Grande do Sul se destacou na pesquisa apresentando crescimento relevante no seu ticket médio, superior a outros estados”, acrescentou. O RS ficou em oitavo lugar no ranking nacional. A lista dos dez primeiros é liderada por São Paulo (R$$ 1,3 bilhão), Minas Gerais (R$$ 289,5 milhões) e Rio de Janeiro (R$ 189,4 milhões). A pesquisa ainda aponta os cinco segmentos de e-commerce que tiveram maior faturamento em 2022 no Rio Grande do Sul: moda (R$$ 34,2 milhões), casa e jardim (R$$ 9,8 milhões), saúde e beleza (R$$ 5,8 milhões), acessórios (R$ 5,1 milhões) e esportes (R$ 2,9 milhões). 

O levantamento também apresenta um perfil do empreendedor no e-commerce e os principais desafios. Sobre os desafios enfrentados pelas micro e pequenas empresas brasileiras no fim do ano passado, 40% dos empresários afirmaram que a falta de capital de giro para reinvestir no negócio foi a maior dificuldade encontrada. Outros desafios relacionados pelos entrevistados foram a falta de tempo (19%) e conhecer e dominar as ferramentas necessárias para crescer (18%). Além disso, quando perguntados sobre os problemas enfrentados no e-commerce, os empreendedores afirmam que a baixa taxa de conversão (71%) e o alto custo do frete (33%) foram os principais, seguidos por “carrinhos abandonados” (27%).

Programa conecta startups com o exterior

O Sebrae RS está com inscrições abertas até dia 12 para o programa que irá selecionar startups de Porto Alegre para participarem do Go GlobalX. O programa vai conectar dez startups e empresas de base tecnológica de Porto Alegre em estágio de escala e tração aos mercados do Canadá e de Portugal, incluindo potenciais investidores. A iniciativa tem parceria com o Gabinete de Inovação da Prefeitura Municipal de Porto Alegre e apoio da empresa Meta Ventures. “Porto Alegre está cada vez mais se posicionando como polo de inovação, com muitas possibilidades para gerar novos negócios, desenvolvimento social e econômico. E nessa trajetória é fundamental ajudar os empreendedores”, disse o Secretário Municipal de Inovação, Luiz Carlos Pinto da Silva Filho. Mais informações no site.


Azeite gaúcho é destaque global

Agroindústria de Viamão recebe no Japão título de melhor blend, entre outros prêmios

Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895