Dnit decreta emergência para construção da nova ponte na BR 287

Dnit decreta emergência para construção da nova ponte na BR 287

Estrutura desabou sobre a várzea do rio Toropi na última quinta-feira

Correio do Povo

Travessia desabou na última quinta-feira

publicidade

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) informa que vai decretar emergência para agilizar a construção da nova ponte sobre a várzea do rio Toropi, no km 313,5 da BR 287. A travessia desabou na última quinta-feira, após ter sido bloqueada por danos graves em dois pilares, comprometendo toda a estrutura. O órgão pretende encaminhar até a próxima segunda-feira a solicitação de orçamento para empresas atuantes no Rio Grande do Sul e especializadas em obras de arte especiais. A expectativa da autarquia é de que a contratação da obra ocorra na primeira quinzena de novembro, com início imediato dos serviços.

Os orçamentos serão encaminhados para a sede do Dnit, em Brasília, onde será feita a análise do pedido de decretação de emergência. A Superintendência da autarquia no Rio Grande do Sul acredita que em pouco mais de uma semana a contratação da empresa que fará a demolição do resto da ponte que desabou e a construção da nova travessia seja concretizada. O órgão avisa que a mesma empresa que realizar esta obra também assumirá a responsabilidade de resolver as demandas do antigo acesso de terra da cidade de Mata.

Sete meses é o prazo estimado para a construção da nova ponte e, enquanto ela não fica pronta, a empresa Cotrel - que é responsável pela manutenção da BR 287 - trabalha na construção de um desvio de 300 metros ao lado da estrutura antiga. O trecho será totalmente asfaltado para oferecer segurança aos cerca de 5 mil veículos que trafegam diariamente na localidade. Esta rota alternativa deve ficar em 15 dias, já que a chuva desta semana não interferiu no cronograma dos serviços.

Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895