Governo e BNDES se reúnem para alinhar futuras concessões de estradas gaúchas

Governo e BNDES se reúnem para alinhar futuras concessões de estradas gaúchas

Encontro integra ações para o processo envolvendo mais de 1 mil quilômetros de rodovias

Por
Correio do Povo

publicidade

Foi realizada nesta terça-feira a primeira reunião de alinhamento do governo do Estado com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e o consórcio Manesco/Planos para promover a concessão à iniciativa privada de 1 mil quilômetros de rodovias, qualificando os acessos e a infraestrutura de 63 municípios gaúchos. 

O encontro foi coordenado pelos secretários de Governança e Gestão Estratégica, Claudio Gastal, e de Parcerias, Bruno Vanuzzi. A expectativa é que em abril de 2021 os editais estejam prontos. Ao todo, são 18 estradas contempladas, que resultam em 1.028 quilômetros de extensão, sendo 760 quilômetros trechos atualmente pedagiados e sob administração da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) e outros 268 quilômetros de responsabilidade do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer).

Manesco/Planos foi o consórcio contratado pelo BNDES para efetuar os estudos que definirão as medidas necessárias para qualificar as rodovias, como duplicações, implantação de terceiras faixas e obras de segurança viária para as comunidades próximas, entre outras medidas. 

As concessões promovidas pelo governo fazem parte do programa RS Parcerias, lançado em março de 2019, que busca promover o desenvolvimento do Estado por meio de investimentos privados e visando a melhoria dos serviços públicos.


Rodovias que fazem parte do estudo de concessão

• ERS-239
• ERS-122
• ERS-240
• RSC-287 (trecho que não consta na concessão em andamento)
• ERS-474
• ERS-040
• ERS-784
• ERS-115
• ERS-235
• ERS-466
• ERS-020
• ERS-130
• ERS-129
• RSC-453
• ERS-128
• RSC-135
• ERS-446
• VRS-813