Melo busca investimento no setor privado para áreas de vulnerabilidade de Porto Alegre

Melo busca investimento no setor privado para áreas de vulnerabilidade de Porto Alegre

Caravana Mais Comunidade levará parceiros para conhecer realidade de comunidades da Capital

Felipe Nabinger

Sebastião Melo anunciou a Caravana Mais Comunidade durante evento no Parcão.

publicidade

A prefeitura de Porto Alegre vai buscar no setor privado investimentos para problemas de áreas de vulnerabilidade na Capital. O poder público municipal encaminhou a empresários e associações parceiras convite para que participem da primeira edição da Caravana Mais Comunidade, no final desta semana. A ideia é que, a exemplo de projetos na região central, soluções sejam criadas por meio de parcerias em regiões periféricas.

“Sexta-feira vamos começar pelo Mário Quintana. Não há proteção social sem empreendedorismo”, afirma Sebastião Melo. O prefeito reforça que o convite é para que os empresários vejam locais “onde o esgoto é a céu aberto, a água é precária, a casa é de palafita e onde os espaços públicos não chegaram”. Um ônibus levando os parceiros e secretários municipais sairá do Paço Municipal na manhã da próxima sexta-feira, 20.

Melo cita a importância da parceria entre o público e o privado para realização, por exemplo, de grandes eventos como o South Summit, mas frisa que não se pode “deixar de olhar para a periferia”. O trajeto dessa primeira caravana, que deve ocorrer a cada vinte dias, terá como primeira parada a estrada Antônio Severino, passando pelas comunidades do Recanto do Sabiá, João Goulart, Vila Athemis e Parque das Orquídeas, no bairro Mário Quintana.

“A cidade precisa ser acessível para todos. Enquanto tiver um irmão nosso passando fome, que não tem um teto digno ou que coloca o filho na creche, essa cidade não é de todos. Temos que governar para todos, mas olhar para quem mais precisa”, enfatizou o prefeito, justificando o movimento que passará a ser adotado por meio da caravana.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895