Municípios do MS pedem ajuda contra queimadas no Pantanal

Municípios do MS pedem ajuda contra queimadas no Pantanal

Prefeito de Corumbá informou que seca está pior que em 2020 e incêndios podem ameaçar áreas habitadas em breve

Agência Brasil

publicidade

A Prefeitura de Corumbá (MS) pediu ajuda aos governos federal e do Mato Grosso do Sul para combater as queimadas no Pantanal. Com o período de seca, os incêndios florestais aumentaram na região e estão se aproximando de áreas habitadas. Nos últimos dias, a cidade chegou a ficar encoberta pela fumaça das queimadas.

Segundo o prefeito, Marcelo Iunes, a seca deste ano está maior que em 2020. Ele também pediu ajuda da bancada de parlamentares do estado para que uma base do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente dos Recursos Naturais Renováveis (ibama) permaneça no município de forma permanente.

“Pela legislação, a preservação do Pantanal é atribuição do estado e da União, mas não podemos e não vamos ficar de braços cruzados esperando uma solução. Precisamos de novo da união de todos, inclusive dos nossos deputados estaduais para evitar uma tragédia ainda maior na nossa natureza”, afirmou.

Porto Murtinho

Em Porto Murtinho (MS), também na região pantaneira, imagens postadas nas redes sociais pelo Corpo de Bombeiros mostram o trabalho de combate aos incêndios. Homens da corporação enfrentam altas temperaturas para apagar as chamas e evitar que o fogo se alastre ainda mais pela região.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895