Obras de colocação das vigas da nova Ponte do Guaíba alteram trânsito na BR 290

Obras de colocação das vigas da nova Ponte do Guaíba alteram trânsito na BR 290

Segundo o Dnit, a previsão é de que essa etapa dos trabalhos termine no dia 4 de setembro

Cláudio Isaías

Previsão é de que essa etapa dos trabalhos termine no dia 4 de setembro

publicidade

 Até a próxima terça-feira, dia 4 de setembro, os motoristas que trafegam pela BR 290, a Freeway, próximo ao vão móvel do Guaíba, no sentido Litoral Norte/Porto Alegre, precisarão ficar atentos às alterações no trânsito. Devido a obras da nova ponte, estão sendo realizados desvios na rodovia entre os kms 94 e 95.

Segundo a superintendência regional do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit/RS), no trecho estão sendo feitos os trabalhos de colocação das vigas da nova estrutura. Das 6h às 22h, estarão bloqueadas duas faixas com a manutenção da circulação dos veículos em três faixas. Das 22h às 6h, será realizado o bloqueio total da pista e o trânsito será desviado para a pista oposta, na qual trafegarão com duas mãos de direção. A rua João Moreira Maciel será totalmente interditada (24 horas) na altura do número 1.600 (canteiro de obras), sendo liberado apenas para o tráfego local. Segundo o Dnit, a previsão é de que essa etapa dos trabalhos termine no dia 4 de setembro.



Nesta manhã, o trânsito de carros, ônibus e caminhões no sentido Litoral/Capital nas proximidades da obra ficou lento e congestionado em razão do bloqueio das duas faixas da direita. O Dnit realizou a colocação de placas para avisar os motoristas sobre as mudanças de trânsito na região. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) também orienta a circulação na região.

Com mais de 66% dos trabalhos concluídos, a nova Ponte do Guaíba deverá estar pronta no segundo semestre de 2019, de acordo com informações do Dnit. O departamento informou que desde o começo dos trabalhos em outubro de 2014 já foram investidos cerca de R$ 464 milhões. O custo da estrutura é de R$ 757,5 milhões. A estimativa do Dnit é de que cerca de 50 mil veículos deverão passar diariamente pela nova estrutura. Hoje, cerca de 40 mil automóveis passam por dia na atual ponte. Uma das diferenças da nova estrutura é que não haverá a necessidade de içamento do vão móvel, evitando interrupções no trânsito.

A nova Ponte do Guaíba terá uma extensão de 12,3 quilômetros com um total de cinco quilômetros em acessos e 7,3 quilômetros em obras de artes especiais (ponte sobre os canais navegáveis, elevadas e viadutos). A estrutura terá cerca de 28 metros de largura, em pista dupla com duas faixas de tráfego em cada sentido com acostamento e refúgio.

Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895