Parque Knijnik é reaberto três dias após temporal em Porto Alegre

Parque Knijnik é reaberto três dias após temporal em Porto Alegre

Área de trilhas permanece interditada

Diversos galhos tiveram de ser cortados após temporal da última quarta-feira

publicidade

Castigado pelo temporal, o Parque Municipal Gabriel Knijnik, na estrada Amapá, bairro Vila Nova, em Porto Alegre, reabriu ao público neste sábado. Os visitantes, sobretudo famílias, apareceram para passar o dia e até fazer churrasco. O administrador do local com cerca de 12 hectares, Mauro Farias, explicou que os espaços de lazer e das churrasqueiras, canchas e pracinha, além da área de estacionamento, foram liberados ao público.

Já a trilha ecológica permanece parcialmente interditada, sendo bloqueado o acesso ao trecho onde a tempestade derrubou em torno de 100 árvores em uma mata fechada, composta por árvores muito antigas. Outras tiveram as copas arrancadas pela ventania. Galhos e folhas ficaram espalhados por toda a parte. Os troncos, devidamente serrados, poderão agora serem usados em benfeitorias no próprio local, como bancos e mesas. 

Mauro Farias confirmou a realização de um mutirão nas últimas quinta e sexta-feira para limpeza dos setores mais frequentados. “Priorizamos essas áreas”, esclareceu. “O estrago foi muito grande, mas a natureza vai cobrir tudo de novo”, destacou. Ele lembrou que o funcionamento, com entrada franca, é das 8h as 17h durante a semana e, aos sábados e domingos, até as 18h. Inúmeras espécies da fauna e flora podem ser encontradas.

O lugar foi incorporado pela prefeitura de Porto Alegre em 1997 após doação do sítio pela família do engenheiro civil Gabriel Knijnik. A área verde ainda é desconhecida por muitos porto-alegrenses. 

O temporal da última quarta-feira também atingiu os parques da Redenção, Harmonia e Marinha que juntos somaram 28 árvores derrubadas pela força dos ventos. Na manhã desse sábado, por exemplo, algumas delas ainda aguardavam remoção no Harmonia, mas sem prejudicar a movimentação do público.

Ao longo do dia, mais de 20 equipes de manejo arbóreo e de limpeza trabalhavam em vias e praças que ainda apresentavam problemas para a circulação de veículos e pedestres, principalmente em bairros da zona Sul.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895