Porto Alegre adota regras do novo sistema de monitoramento da pandemia do RS

Porto Alegre adota regras do novo sistema de monitoramento da pandemia do RS

Decreto entrou em vigor à meia-noite deste domingo

Correio do Povo

Melo defende a liberdade para gestores municipais regrarem suas próprias atividades

publicidade

A Prefeitura de Porto Alegre anunciou, neste domingo, que já adotou as regras do do novo sistema de monitoramento da pandemia do governo do Rio Grande do Sul. O Sistema 3As entrou em vigor à meia-noite deste domingo, após publicação do decreto estadual.  Os demais municípios que integram a R10 -  Cachoeirinha, Gravataí, Viamão, Alvorada e Glorinha - também seguem o novo modelo de monitoramento. 

Segundo a Prefeitura, as regras estarão em vigor até a publicação de decreto municipal com os protocolos próprios de funcionamento de atividades. A Secretaria Extraordinária de Enfrentamento ao Coronavírus (Secovid) estuda o novo sistema apresentado pelo governo do Estado na última sexta-feira e trabalha na elaboração dos documentos.

De acordo com a administração municipal, as normas municipais seguirão o protocolo padrão/obrigatório do Sistema 3As – Aviso, Alerta e Ação - e serão definidas a partir de amplo diálogo com os gestores e técnicos que integram a R10 e os diversos setores da sociedade. Os protocolos serão construídos para atender a realidade da Capital, com segurança sanitária e maior flexibilização para que a cidade possa retomar a atividade econômica e garantir emprego e renda da população.

O prefeito Sebastião Melo, que sempre defendeu a cogestão e a liberdade para que os gestores municipais possam regrar suas atividades de acordo com as características locais e regionais, disse que a ampliação do funcionamento dos setores será feita de forma responsável e rigorosa fiscalização.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895