QI inaugura agência de empregos para impulsionar oportunidades no 4º Distrito de Porto Alegre

QI inaugura agência de empregos para impulsionar oportunidades no 4º Distrito de Porto Alegre

Serviço estará aberto à população a partir do dia 16 de outubro

Correio do Povo

Serviço estará aberto à população a partir do dia 16 de outubro

publicidade

O 4º Distrito de Porto Alegre, região reconhecido como polo de economia criativa, vai ganhar a partir do dia 15 de outubro uma agência para servir como elo de oportunidades de trabalho e transformação social. A “Correntes do Bem” é um projeto da QI Faculdades & Escola Técnica, que vem buscando colaborar com empresas locais e cidadãos em busca de uma primeira oportunidade de trabalho e, até mesmo, a recolocação no mercado.

A agência Corrente do Bem, localizada na avenida Farrapados, 3852, promete contar com uma equipe especializada de recrutamento e seleção, ferramenta de levantamento de perfil e, ainda, sistema gerenciais automatizados para cadastros e triagem de candidatos. Todo o serviço é gratuito.

A partir do dia 16 de outubro, o local ficará aberto para receber candidatos. Até lá, o trabalho é interno na captação de vagas junto às empresas instaladas na região. “A preocupação com a comunidade está em nosso DNA, onde a QI se estabelece todo o entorno se desenvolve, e queremos fazer isso de forma mais ativa em uma região da capital gaúcha que precisa se revitalizar”, disse Regina Teixeira, diretora da mantenedora QI.

4º Distrito

A unidade Farrapos da QI Faculdade e Escola Técnica está situada no bairro Floresta, que integra o conjunto de cinco bairros pertencentes ao chamado 4o Distrito de Porto Alegre. A região já foi reconhecida por ser uma zona industrial no início do século 20, atraindo várias empresas, e hoje é também destino de startups, coworkings e empresas focadas na economia colaborativa. A reinvenção da região ocorreu após sucessivas crises econômicas na história da Capital.

Por meio desta agência, a QI pretende colaborar com as empresas do 4o Distrito pois entende que são elas que geram trabalho e ganhos que proporcionam de forma digna aos cidadãos conquistarem seu sustento e de suas famílias. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895