Startup de Passo Fundo é selecionada para reality show na Record News

Startup de Passo Fundo é selecionada para reality show na Record News

A Acordos Brasil é uma plataforma 100 % online que permite a realização de acordos judiciais e extrajudiciais

Christian Bueller

CEO e fundador da Acordos Brasil, Ralfe Romero, está em São Paulo para as gravações na primeira etapa do programa Batalha das Startups

publicidade

Uma startup gaúcha foi selecionada para participar do reality show “Batalha das Startups” da Record News. Segundo dados do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), um processo demora, em média, oito anos na Justiça Federal e seis anos e quatro meses na Justiça comum. Em uma realidade em que muitas pessoas morrem ser terem recebido os seus direitos, um empreendedor de Passo Fundo criou a Acordos Brasil, uma plataforma 100 % online que permite a realização de acordos judiciais e extrajudiciais e também acordos para processos em andamento.

CEO e fundador da empresa, Ralfe Romero está em São Paulo para as gravações na primeira etapa, de qualifying, no qual as startups estão tentando mostrar todo potencial para subir no ringue e vencer a grande batalha. O programa é uma competição que resultará em oito startups vencedoras que receberão cada R$ 1 milhão em aceleração.

“Fiz a inscrição para participar. Recebi a ligação de um produtor me convidando. Era um sábado e, no início, confesso que desconfiei, mas depois falamos por telefone e senti firmeza e veracidade no que ele me disse”, lembra Romero.

A intenção é criar um ambiente de “luta” saudável entre as empresas, visando no desenvolvimento e aprimoramento das ideias. As startups precisarão convencer uma banca de jurados que as suas ideias são rentáveis.

Romero conta que a rotina de gravações é puxada, mas recompensadora. “Fui na cara e na coragem para provar o potencial de nossa startup. No primeiro dia, começamos as 10h e fomos até as 20h. O mentor nosso foi Alejandro Vasquez, CCO e cofundador da Nuvemshop, que acabou de receber US$ 30 milhões de investimento para crescimento e expansão na América Latina”, lembra.

O empreendedor de Passo Fundo teve mentoria também nas áreas jurídica, marketing, financeira, growhacking (aposta no crescimento de uma empresa para, depois, alcançar os resultados) e tecnologia da informação. “Temos a humildade de reconhecer que temos pontos a melhorar, mas só a oportunidade de participar de um reality show que vai escolher a startup mais promissora do Brasil já é uma grande vitória de toda nossa equipe”, ressalta.

Apesar de nova – completou cinco meses em 1º de novembro, a Acordos Brasil já fez 500 mediações. As assinaturas são eletrônicas e há possibilidade da realização de audiências virtuais. As conciliações são feitas por profissionais especializados e experientes em mediação e conciliação. Os acordos possuem validade jurídica. A plataforma também possui a versão em aplicativo para download.

“Estamos crescendo exponencialmente a cada mês, já fechamos com uma instituição financeira e somos a primeira startup no Brasil a fazer conciliação tributária”, comemora Romero. Além de pessoas físicas, jurídicas e advogados, também atende a entes públicos.

Para Ralfe Romero, com a Acordos Brasil surge uma nova forma de resolver conflitos e fazer justiça. Segundo ele, a ferramenta vem ao encontro deste “novo momento que estamos vivendo onde a tecnologia é utilizada para acelerar os processos de acordos, gerando um ganho de tempo e financeiro exponencial as partes, sem a necessidade de contato físico”.

A plataforma já tem atuado em casos específicos de pessoa física e na modalidade de Mutirão de Cobranças, para empresas e entidades de classe, resolvendo conflitos. “Ofereceremos a plataforma de forma gratuita a todos os Tribunais de Justiça do Brasil para caso desejem utilizarem na semana nacional de conciliação que ocorrerá até 4 de dezembro”, adianta o CEO.

O programa “Batalha das Startups” vai ao ar de segunda a sexta às 23h45min pela Record News. Das 32 iniciais, se classificam 16 e, depois, oito, uma de cada segmento, já em janeiro de 2021. Em fevereiro, as vencedoras se enfrentam até 24 de fevereiro, data da grande final. “Nossa expectativa é passar para a próxima etapa. Contamos muito com a ajuda do público gaúcho para nos ajudar”, conclama Romero.

Missão: ajudar a desafogar o Poder Judiciário

Empreendedorismo não é novidade para Ralfe Romero. A trajetória começou na educação, como cofundador e presidente das faculdades João Paulo II, rede de Ensino Superior com campus em Passo fundo, Pelotas e Porto Alegre.

Em 2018, a oportunidade de estudar inovação e tecnologia com especialistas do Vale do Silício, região conhecida da Califórnia, nos EUA, que abriga startups do tamanho da Apple, Facebook e Google, por exemplo. “Me apaixonei pela área e comecei a me aprofundar cada vez mais, fazendo cursos, aprendendo novas formas de gestão. Na área de tecnologia, você precisa estar sempre estudando e se aperfeiçoando, pois, as coisas evoluem muito rápido”, explica.

A ideia da Acordos Brasil veio de um problema real que advogados como ele vivenciam: a morosidade. “Nosso propósito é transformar a forma de fazer justiça no mundo. Nossa missão é auxiliar a empresas e pessoas a resolverem conflitos. E ser a maior realizadora de acordos on-line do Brasil. Queremos ajudar a desafogar o Poder Judiciário”, projeta o fundador.

Se correr como Ralf Romero, hoje com 44 anos, estima, o território brasileiro será apenas um dos países abrangidos pela startup. “Está sendo preparada para se tornar uma companhia global. Já estamos transformando nosso site e plataforma em inglês, espanhol e chinês". 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895