Tempo firme em Porto Alegre atrai público a parques e à Orla do Guaíba

Tempo firme em Porto Alegre atrai público a parques e à Orla do Guaíba

Presença de máscaras foi oscilante em meio aos apelos da prefeitura para a população evitar aglomerações

Felipe Samuel

Nem mesmo a presença de uma viatura da Guarda Municipal intimidou o público

publicidade

No mesmo dia em que a dupla Grenal voltou a jogar na Capital, na Arena e no Beira-Rio com portões fechados, a Orla do Guaíba e parques registraram ontem grande movimento de usuários. Com tempo firme e temperatura acima dos 25 graus Celsius, milhares de pessoas ignoraram os apelos de autoridades de saúde para permanecer em casa em meio à pandemia de Covid-19 e tomaram conta dos principais locais de lazer da cidade.

Se no entorno dos estádios a segurança foi reforçada com a presença de dezenas de policiais militares e agentes da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), o que evitou reunião de torcedores, no parque Farroupilha (Redenção), no Bom Fim, e no Parcão, no Moinhos de Vento, muita gente aproveitou para fazer exercícios em grupos. Na Redenção, a maioria dos bancos em frente ao lago do espelho d'água foi ocupada por casais, famílias e amigos. Crianças também se divertiam nos brinquedos de uma praça localizada a poucos metros dali. Uma boa parte dos usuários não usava máscara de proteção. 

Nem mesmo a presença de uma viatura da Guarda Municipal intimidou o público, que ignorou medidas de distanciamento. No Parcão, o mesmo cenário se repetiu, com rodas de chimarrão e muita gente fazendo exercícios. Uma parte dos usuários não usava máscaras.

Na Orla do Guaíba, sem acesso ao Parque Moacyr Scliar, os visitantes encontraram a mesma alternativa de outros finais de semana e ocuparam a Praça Júlio Mesquita. No trecho em que não há restrição, muitos ciclistas foram flagrados em grupos. Parte deles sem máscara.


Foto: Ricardo Giusti

No Parque Marinha do Brasil, a pista skate concentrava dezenas de praticantes. O comandante da Guarda Municipal, Marcelo do Nascimento, reconhece que o tempo bom atrai visitantes a parques e à orla, mas garante que não houve registro de ocorrências por aglomeração desde o fechamento de parte da orla.

"Houve circulação de pessoas sem aglomerações. Nosso trabalho esteve voltado para evitar aglomeração nos estádios e abertura do comércio", observa. Nascimento reforça que os usuários que optam por sair de casa devem cumprir os protocolos de segurança. "Ainda têm pessoas que resistem e não utilizam máscaras", assinala.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895