"Agora é desejar sorte", diz Haddad sobre vitória de Milei

"Agora é desejar sorte", diz Haddad sobre vitória de Milei

Milei foi eleito o novo presidente da Argentina com uma vantagem histórica sobre o rival, o peronista Sérgio Massa

AE

publicidade

O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, fez nesta segunda-feira (20) um breve comentário sobre a vitória de Javier Milei nas eleições argentinas no domingo, 19. "Agora é desejar sorte. O presidente Lula demonstrou apreço pela democracia. Nosso continente tem que fortalecer a democracia. É aguardar os acontecimentos, agora não há muito o que comentar", disse nesta segunda ao chegar à sede da pasta.

O autointitulado libertário Javier Milei foi eleito o novo presidente da Argentina com uma vantagem histórica sobre o rival, o peronista Sérgio Massa, que reconheceu a derrota antes mesmo do fim da apuração e da divulgação dos votos. Em seu primeiro pronunciamento após o resultado, Milei afirmou que começará a realizar o processo de reconstrução da Argentina e que terá a determinação para acertar as contas fiscais.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reconheceu a vitória de Milei em uma postagem publicada nas redes sociais na noite de domingo. Sem citar o nome do argentino, Lula desejou boa sorte ao novo presidente, defendeu o respeito à democracia e reiterou que o Brasil estará à disposição para "trabalhar" com a Argentina.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895