Ataque contra museu deixa oito mortos na Tunísia

Ataque contra museu deixa oito mortos na Tunísia

Sete vítimas eram estrangeiras

Agência Brasil

Forças de segurança tunisinas protegeram a área depois que homens armados atacaram o famoso Museu Bardo

publicidade

Oito pessoas, sete delas estrangeiras, foram mortas nesta quarta-feira num ataque contra o museu do Bardo, em Tunes,
realizado por pelo menos dois homens armados com 'Kalachnikov', anunciou o Ministério do Interior. "Um ataque terrorista (visou) o museu do Bardo", afirmou o porta-voz do ministério Mohamed Ali Aroui em declarações à rádio Mosaique FM, que citou "dois elementos terroristas ou mais, armados de Kalachnikov".

O museu do Bardo, um dos principais da Tunísia, situa-se ao lado do parlamento e o tiroteio levou as comissões parlamentares a suspenderem as reuniões e os deputados foram obrigados a concentrarem-se no 'hall' da assembleia, disse a deputada islamita Monia Brahim à agência Frace Presse.

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895