Boris Johnson continua em recuperação por coronavírus

Boris Johnson continua em recuperação por coronavírus

Primeiro-ministro é o único líder de uma grande potência infectado pelo coronavírus

Por
AFP

Líder conservador de 55 anos deixou a unidade de terapia intensiva na noite de quinta-feira


publicidade

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson, hospitalizado pela Covid-19 há quase uma semana, fez "grandes progressos" em sua recuperação, anunciou neste sábado um de seus porta-vozes. O líder conservador de 55 anos deixou a unidade de terapia intensiva na noite de quinta-feira e foi transferido para outro setor do Hospital St Thomas, em Londres.

No dia anterior, assessores do premier britânico anunciaram que ele já "caminhava um pouco". "Seu humor ainda está muito bom", disse um porta-voz do presidente na sexta-feira, acrescentando que Johnson estava na "fase inicial" da recuperação e que não retomaria os trabalhos do executivo até que a "opinião de sua equipe médica seja favorável". 

O conservador é o único líder de uma grande potência infectado pelo coronavírus, que matou quase 9 mil pessoas no Reino Unido. O chefe da diplomacia, Dominic Raab, ficou encarregado do governo em sua ausência. 

"Ele tem que descansar ... acho que não podemos dizer que ele se livrou" do coronavírus, disse o pai do primeiro-ministro Stanley Johnson à BBC na sexta-feira. "Eu não acho que volte direto para Downing Street antes de um período de recuperação", acrescentou. 

Na próxima semana, o governo deve decidir formalmente se prolongará o confinamento, que começou em 23 de março, inicialmente por três semanas.


Enquanto isso, o executivo continua insistindo que os britânicos cumpram rigorosamente as medidas de distanciamento social para impedir a propagação da pandemia, especialmente durante o fim de semana da Páscoa.