Coreia do Norte ameaça usar "nova arma estratégica em futuro próximo"

Coreia do Norte ameaça usar "nova arma estratégica em futuro próximo"

Pyongyang anunciou abandono de moratórias sobre testes nucleares

AFP

Líder norte-coreano falou sobre nova arma estratégica e abandono das moratórias sobre testes nucleares

O líder norte-coreano, Kim Jong Un, declarou que Pyongyang está abandonando suas moratórias sobre testes nucleares e de mísseis balísticos intercontinentais, reportou a imprensa local nesta quarta-feira (noite de terça no Brasil). "Não há mais base para mantermos unilateralmente o vínculo com o compromisso", reportou a agência oficial de notícias KCNA, citando declarações de Kim a líderes do partido governista.

"O mundo vai testemunhar uma nova arma estratégica que a República Popular Democrática da Coreia [nome oficial da Coreia do Norte] deterá no futuro próximo", acrescentou o líder norte-coreano, anunciando uma "ação impactante" da Coreia do Norte.

Kim declarou em 2018 que a Coreia não tinha mais necessidade de realizar testes nucleares e com mísseis balísticos intercontinentais (ICBM), e o anúncio desta quarta ameaça acabar com os avanços diplomáticos feitos recentemente nesta área.

Sua declaração diante de um plenário lotado do comitê central do Partido dos Trabalhadores deixa claro que a Coreia do Norte prefere enfrentar sanções internacionais para preservar sua capacidade nuclear.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895