Explosão em mesquita xiita deixa ao menos 32 mortos no Afeganistão

Explosão em mesquita xiita deixa ao menos 32 mortos no Afeganistão

Ataque ocorreu na cidade de Kandahar

AE

Explosão em mesquita xiita deixa ao menos 32 mortos no Afeganistão

publicidade

Pelo menos 32 pessoas morreram e já passa de 50 o total de feridos após uma explosão atingir uma mesquita xiita durante as orações desta sexta-feira, 15, na cidade de Kandahar, no sul do Afeganistão. A informação foi dada por uma fonte médica à AFP. 

Uma contagem inicial havia relatado sete mortos e cerca de 15 feridos. De acordo com uma fonte da Associated Press, o número de vítimas fatais tende a aumentar. A explosão na mesquita de Iman Bargah, que fica no centro da cidade, aconteceu durante a oração do meio-dia de sexta-feira, dia de descanso para os muçulmanos e momento em que muitas pessoas se reúnem para rezar.

Veja Também

Uma testemunha disse à AFP que ouviu três explosões, uma no portão principal da mesquita, outra no miradouro sul e a terceira no local onde os adoradores se lavam. A origem da explosão ainda não é conhecida. Outra testemunha também disse que três explosões abalaram a mesquita no centro da cidade durante as orações desta sexta.

O porta-voz do Ministério do Interior, Qari Sayed Khosti, lamentou as mortes em mensagem publicada no Twitter. "Entristece-nos saber que ocorreu uma explosão numa mesquita da irmandade xiita no primeiro distrito da cidade de Kandahar, na qual vários dos nossos compatriotas foram martirizados e feridos." E acrescentou: "As forças especiais do Emirado Islâmico chegaram à área para determinar a natureza do incidente e trazer os responsáveis à justiça."

A explosão aconteceu uma semana depois de um bombardeio numa mesquita xiita no norte do país deixar 46 pessoas mortas. O grupo EI-K, filial afegã do Estado Islâmico, assumiu a autoria do ataque. O grupo extremista, que se opõe aos Taleban, considera os muçulmanos xiitas como apóstatas merecedores da morte. 


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895