Harry e Meghan deixarão de utilizar a denominação 'Sussex Royal'
capa

Harry e Meghan deixarão de utilizar a denominação 'Sussex Royal'

"O duque e a duquesa de Sussex não têm a intenção de usar 'Sussex Royal' em nada a partir do período da primavera em 2020", disse um porta-voz

Por
AFP

Casal anunciou que vai se afastar da monarquia para focar em sua independência financeira

publicidade

O príncipe Harry e sua esposa, Meghan Markle, deixarão de utilizar a denominação "Sussex Royal" nos próximos meses, indicou um porta-voz do casal nesta sexta-feira, depois de terem aberto mão das suas funções reais em março. "Levando em consideração as regras específicas do governo britânico sobre o uso da palavra 'real', entrou-se em acordo que sua organização de caridade, quando for anunciada na primavera, não será chamada de Fundação Sussex Royal", comunicou. "O duque e a duquesa de Sussex não têm a intenção de usar 'Sussex Royal' em nada a partir do período da primavera em 2020", ressaltou.

A decisão do príncipe e de sua esposa de deixarem as obrigações reais implica automaticamente à renúncia ao título de Alteza Real, anunciou o palácio de Buckingham. Faltava anunciar algo sobre a denominação "Sussex Royal".

Harry, de 35 anos, e Meghan, de 38 anos, usam até o momento essa denominação em sua conta no Instagram, que conta com 11,2 milhões de seguidores, assim como já a tinham registrado em dezenas de produtos. O casal, que causou uma comoção no Reino Unido ao anunciar sua decisão, deixará de ter acesso ao seu gabinete no palácio de Buckingham a partir de 1º de abril.

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

A post shared by The Duke and Duchess of Sussex (@sussexroyal) on