Indonésia é primeiro país a autorizar vacina anticovid da Novavax

Indonésia é primeiro país a autorizar vacina anticovid da Novavax

Vacina é produzida sem vírus e com base em proteínas que geram resposta imunológica

AFP

Vacina é produzida sem vírus e com base em proteínas que geram resposta imunológica

publicidade

A Indonésia se tornou nesta segunda-feira (1º) o primeiro país a autorizar a vacina da Novavax contra a Covid-19, informou a empresa americana. O imunizante será produzido pelo Instituto Serum da Índia (SII) e comercializada com o nome de Covovax.

Essa vacina usa uma tecnologia diferente das outras vacinas autorizadas no mundo. É produzida sem vírus e com base em proteínas que geram resposta imunológica. Pode ser armazenada a temperaturas de entre 2 e 9 graus Celsius, o que pode facilitar sua distribuição, especialmente em países mais desenvolvidos.

Veja Também

A Novavax "responderá a uma necessidade vital da Indonésia que é a quarta nação mais populosa do mundo e segue trabalhando para fornecer vacinas suficientes à sua população", disse o CEO da Novavax, Stanley Erck. As primeiras entregas devem começar "imediatamente", acrescenta o comunicado.

Também nesta segunda-feira a Novavax anunciou que pediu autorização à Agência Europeia de Medicamentos e Canadá. Pedidos similares estão sendo analisados no Reino Unido e Austrália e foi formalizada uma solicitação à Organização Mundial da Saúde (OMS). A Novavax planeja realizar antes do fim ano esse trâmite nos Estados Unidos.

A vacina tem uma eficácia de 90,4% contra a doença e de 100% nos casos de graves a moderados, segundo ensaios clínicos em cerca de 30.000 pessoas dos Estados e México apresentados em junho.



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895