Irã começa a construir nova usina nuclear

Irã começa a construir nova usina nuclear

Obra custará entre US$ 1,5 milhão e US$ 2 milhões

AFP

publicidade

A Organização de Energia Atômica do Irã anunciou neste sábado (3) a construção da nova usina nuclear do país na província do Cuzistão, no sudoeste do país.

O diretor do órgão encarregado da energia atômica do Irã, Mohamad Eslami, comunicou pela televisão o início da construção da usina de Karun. Com capacidade de 300 megawatts, a central será localizada perto da cidade de Darkhovin, região do Cuzistão. A obra custará entre US$ 1,5 milhão e US$ 2 milhões.

"Será a primeira central (iraniana) a ser projetada por uma empresa francesa", disse Eslami, embora o grupo francês tenha desistido do projeto, devido a sanções contra a República Islâmica.

Após um acordo internacional em 2015, o Irã concordou em suspender a operação de sua central nuclear subterrânea de Fordo e limitar o enriquecimento de urânio a 3,67%, em troca da suspensão das sanções ocidentais.

Em 2018, entretanto, o então presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu retirar o país do acordo, unilateralmente, e restabeleceu as sanções. Desde então, as autoridades iranianas retomaram a operação da usina de Fordo. Em novembro, anunciaram terem produzido urânio enriquecido a 60%.

Teerã sempre negou que pretenda desenvolver uma bomba nuclear, apesar das acusações de Israel e dos Estados Unidos.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895