Irã pede fim imediato da ofensiva turca na Síria
capa

Irã pede fim imediato da ofensiva turca na Síria

Governo considera medida insuficiente para solução de problemas

Por
AFP

Comunicado destaca como prioridade manter estabilidade e segurança na Síria

publicidade

As autoridades iranianas pediram nesta quinta-feira o fim imediato da ofensiva turca, iniciada na véspera, contra as forças curdas na região nordeste da Síria. "O Irã insiste em um cessar imediato dos ataques e em uma retirada das unidades militares turcas mobilizadas em território sírio", afirma um comunicado divulgado pelo ministério das Relações Exteriores em Teerã.

O governo iraniano destaca que "entende as preocupações de Turquia em termos de segurança, mas considera que as medidas militares não são a solução para estes problemas", completa o texto. Teerã expressou na segunda-feira sua "oposição" a qualquer "ação militar" turca na Síria, por considerar que isto provocaria "danos humanos e materiais importantes, quando a prioridade é a estabilidade e a segurança" do país.

A Turquia iniciou na quarta-feira uma ofensiva contra as forças curdas do nordeste da Síria, aliadas da comunidade internacional na luta contra o grupo extremista Estado Islâmico. A operação militar recebeu muitas críticas, incluindo ameaças de sanções americanas.

O Irã, aliado do presidente sírio Bashar Al Assad, aposta em um processo de negociação na Síria, assim como a Turquia (que apoia os rebeldes) e a Rússia (que também respalda o governo de Assad).