Manifestantes lançam líquido vermelho em embaixador russo na Polônia

Manifestantes lançam líquido vermelho em embaixador russo na Polônia

Serguei Andreev chegava para uma homenagem do aniversário do fim da Segunda Guerra Mundial

AFP

Serguei Andreev, embaixador russo na Polônia, foi atingido por um líquido vermelho

publicidade

O embaixador russo na Polônia, Serguei Andreev, foi atingido por um líquido vermelho, jogado por ativistas pró-ucranianos em Varsóvia ao chegar para uma homenagem por ocasião do aniversário do fim da Segunda Guerra Mundial, um incidente que a Rússia denunciou imediatamente.

Segundo um fotógrafo da AFP presente no local, ativistas que gritavam "fascistas" e levantavam a bandeira nacional da Ucrânia, bloquearam a passagem do embaixador, que se dirigia para depositar flores no cemitério de Varsóvia, onde descansam os soldados soviéticos mortos durante a Segunda Guerra Mundial.

Em 9 de maio de 1945, os russos celebraram a vitória contra a Alemanha nazista.

Algumas pessoas então jogaram a substância vermelha em seu rosto e roupas, atingindo também as pessoas que o acompanhavam. Após limpar o rosto com a mão, Andreev declarou: "Estou orgulhoso de meu país e de meu presidente".

Andreev disse à agência de notícias russa RIA Novosti que não se feriu durante o ataque, acrescentando que a substância vermelha era uma espécie de xarope.

O incidente foi denunciado imediatamente pela Rússia. Maria Zakharova, porta-voz da diplomacia russa, informou que "os partidários do neonazismo mostraram de novo seu rosto e é sangrento".

A Rússia dirigiu um "forte protesto" às autoridades polonesas "por sua clemência com os jovens neonazistas".

Veja Também



Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895