Nova Zelândia impõe lockdown devido a novo surto de Covid-19

Nova Zelândia impõe lockdown devido a novo surto de Covid-19

Cerca de 1,7 milhões de pessoas em Auckland, maior cidade do país, terão que ficar em casa a partir da meia-noite deste domingo

AFP

Nova Zelândia impõe lockdown devido a novo surto de Covid-19

publicidade

A primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Ardern, ordenou um bloqueio de três dias em Auckland neste domingo (14), após a descoberta de um novo surto de infecções por coronavírus. Um total de 1,7 milhões de pessoas terão que ficar em casa a partir da meia-noite deste domingo. Escolas e empresas ficarão fechadas na segunda-feira (15), exceto para atividades consideradas "essenciais". 

Três membros da mesma família testaram positivo neste fim de semana. Até agora, o país tem sido considerado exemplo por sua eficácia no gerenciamento da pandemia. Ardern explicou que o confinamento foi decidido "como medida de precaução caso a cepa do vírus detectada seja uma das mais transmissíveis". "Pedimos que os residentes de Auckland fiquem em casa para evitar qualquer risco de propagação", acrescentou.

A cidade também será isolada do resto do país. A entrada e saída de Auckland serão severamente restritas. O resto do país irá para o nível 2 de alerta de saúde, que exige o uso de máscaras nos transportes públicos e a proibição de concentrações de mais de 100 pessoas.


publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895