Putin participará de cúpula virtual do Brics sobre conflito israelense-palestino

Putin participará de cúpula virtual do Brics sobre conflito israelense-palestino

Isolado no campo diplomático, Vladimir Putin participa também esta semana de cúpula virtual do G20

AFP

publicidade

O presidente russo, Vladimir Putin, vai participar na terça-feira (21) de uma cúpula virtual do grupo de economias emergentes Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) sobre o "conflito israelense-palestino", informou o Kremlin nesta segunda-feira (20). No dia seguinte, Putin participará de uma cúpula do G20, também virtual.

O presidente, isolado no campo diplomático desde o início da ofensiva russa na Ucrânia, em fevereiro de 2022, esteve ausente nas últimas reuniões anuais dos Brics e do G20, na África do Sul e na Índia, respectivamente. Putin é alvo de um mandado de prisão emitido pelo Tribunal Penal Internacional (TPI) por denúncias de que ele deportou crianças para áreas da Ucrânia ocupadas pela Rússia.

Sobre a guerra entre Israel e o Hamas em Gaza, o Kremlin defende um cessar-fogo e insiste que a única forma de alcançar uma paz duradoura no Oriente Médio é a criação de um Estado palestino. Putin considera os Estados Unidos responsáveis pelo atual conflito mortal e os acusa de terem monopolizado o processo de paz israelense-palestino durante anos sem encontrar soluções.

Em Israel, 1.200 pessoas, a maioria civis, morreram no ataque lançado por combatentes do movimento islamista Hamas em 7 de outubro, segundo as autoridades. Em resposta, o Exército de Israel promove uma ofensiva aérea e terrestre na Faixa de Gaza que deixa cerca de 13 mil mortos, incluindo cerca de 5.500 menores, segundo o Ministério da Saúde do Hamas, que controla este território palestino.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895