Campanha Nacional de Coleta de DNA de Familiares de Pessoas Desaparecidas vai até sexta-feira no RS

Campanha Nacional de Coleta de DNA de Familiares de Pessoas Desaparecidas vai até sexta-feira no RS

Mobilização envolve o Instituto-Geral de Perícias e a Polícia Civil

Correio do Povo

Na Capital, as equipes atendem nesta terça-feira na praça México, no bairro Jardim Leopoldina

publicidade

O Instituto-Geral de Perícias e a Polícia Civil estão mobilizados na Campanha Nacional de Coleta de DNA de Familiares de Pessoas Desaparecidas, que começou na última segunda-feira e vai até a próxima sexta-feira. No Rio Grande do Sul, o mutirão acontece em pontos de atendimento montados em Porto Alegre, Novo Hamburgo, Viamão, Gravataí, Alvorada, São Leopoldo, Canoas, Caxias do Sul, Passo Fundo, Pelotas e Santa Maria. Na Capital, as equipes das duas instituições estavam atendendo na praça México, no bairro Jardim Leopoldina.

Segundo o IGP, a iniciativa visa a coleta de materiais biológicos, cedido pelos familiares de desaparecidos, para inserção e buscas no Banco Nacional de Perfis Genéticos (BNPG). O material genético é considerado fundamental em casos onde a identificação não é possível através das digitais e pelos exames odontológicos.

Familiares de 1º grau da pessoa desaparecida, de preferência filhos, mas também pai e mãe ou irmãos, podem fornecer o material para a coleta do IGP. Eles também podem levar itens de uso pessoal do desaparecido, como escova de dentes, escova de cabelo, vestes íntimas, aparelho de barbear, aliança, óculos, aparelho ortodôntico, dente de leite, amostra de cordão umbilical.

O familiar precisa comparecer ao ponto de coleta com documento de identificação e o boletim de ocorrência do desaparecimento do familiar. Caso não tenha efetuado o registro, a pessoa pode fazê-lo na hora com a Polícia Civil que está no local. Os agentes da PC também realizam a coleta de informações essenciais às investigações em curso nas delegacias especializadas.

Confira a programação:

Porto Alegre

*Praça México - Terça-feira 15 de junho, das 9h às 12h

* Parque da Redenção - Quarta-feira 16 de junho, das 14h às 17h

* Esplanada da Restinga - Sexta-feira 18 de junho, das 9h às 12h

Região Metropolitana

Viamão: Terça-feira, 15 de junho, das 14h às 17h, na Praça da Matriz

Gravataí: Quarta-feira, 16 de junho, das 9h às 12h, na Praça da Bíblia (Praça do Chafariz)

Alvorada: Quinta-feira, 17 de junho, das 9h às 12h, na Praça Central

São Leopoldo: Quinta-feira, 17 de junho, das 14h às 17h, na Praça Tiradentes

Canoas: Sexta-feira, 18 de junho, das 14h às 17h, na Praça do Avião

Interior

Caxias do Sul: Quarta-feira, 16 de junho, das 14h às 17h, na Praça Dante Alighieri

Passo Fundo: Quarta-feira, 16 de junho, das 14h às 17h, na Praça da Cuia / Praça Marechal Floriano

Pelotas: Quarta-feira, 16 de junho, das 14h às 17h, no Parque Dom Antonio Zattera

Santa Maria: Quarta-feira, 16 de junho, das 14h às 17h, na Praça Saldanha Marinho


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895