Criminoso morre em confronto com a Brigada Militar em Cachoeira do Sul

Criminoso morre em confronto com a Brigada Militar em Cachoeira do Sul

Três integrantes de uma facção da Região Metropolitana foram presos na ocorrência e um ficou ferido

Christian Bueller

Polícia apreendeu dois revólveres calibre 38, uma pistola 380, uma pistola 9mm, carregadores, diversas munições, celulares, coletes balísticos e dinheiro.

publicidade

A Brigada Militar (BM) mobilizou suas equipes numa força-tarefa pela zona norte de Cachoeira do Sul, no domingo, para evitar a execução de um homem no bairro Promorar. Integrantes de uma facção da Região Metropolitana foram à cidade para cometer o assassinato, que teria como motivação disputa por zona de tráfico de drogas. Após tiroteio entre bandidos e policiais, um criminoso acabou morto na ação. 

O alvo da facção seria Claiton Edgar Lopes Andrade, que possui antecedentes por tráfico. O Serviço de Inteligência do 35º Batalhão de Polícia Militar vinha monitorando a ação dos criminosos, mobilizou equipes de diferentes guarnições e a BM acabou evitando a execução em confronto com os bandidos.

Os criminosos chegaram a fugir e a BM teve de trocar tiros com eles no bairro Noêmia, numa residência situada na esquina das ruas Olímpia de Paula e 20 de Setembro, onde o bandido foi morto.

Pelo menos outros três acabaram sendo detidos e encaminhados à Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA) para serem ouvidos. Um deles foi ferido e encaminhado ao Hospital de Caridade e Beneficência de Cachoeira do Sul. Ainda não há definição se eles serão ou não recolhidos ao Presídio Estadual de Cachoeira do Sul.

A ação da Brigada Militar resultou ainda na apreensão de armas, munições e coletes balísticos. Um GM Celta usado pelos suspeitos para deslocamento do Promorar para o bairro Noêmia foi apreendido. Os nomes dos suspeitos e do morto não foram divulgados pela BM. O caso passa a ser investigado pela Polícia Civil.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895