Denarc apreende 18,7 quilos de maconha, após perseguição no bairro Partenon, em Porto Alegre

Denarc apreende 18,7 quilos de maconha, após perseguição no bairro Partenon, em Porto Alegre

Traficante fugiu com veículo da abordagem dos policiais civis, mas acabou preso em flagrante

Correio do Povo

Houve o recolhimento até da super maconha conhecida como camarão

publicidade

O Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil anunciou nesta sexta-feira a apreensão de cerca de 18,7 quilos de maconha, após perseguição no bairro Partenon, em Porto Alegre. A ação ocorreu na tarde dessa quinta-feira. Um traficante, de uma facção criminosa, foi preso.

A delegada Ana Flávia Leite explicou que a investigação ocorreu após denúncia de que um indivíduo estaria realizando a venda de entorpecentes na modalidade tele-entrega. O veículo do traficante, um Peugeot 206, foi então identificado.

A equipe policial passou a monitorar o possível local de armazenamento dos entorpecentes, pois o suspeito descia do veículo, entrava em uma residência rapidamente e saía com algo em mãos. Seguido discretamente, o carro parou em uma rua e ficou estacionado. O criminoso olhava o telefone celular como se estivesse aguardando alguém.

Houve então a abordagem, mas o traficante fugiu de ré e quase atropelou os policiais civis. O veículo acabou colidindo com um ônibus da empresa Carris. Na perseguição, o carro atingiu outro veículo e, desgovernado, atingiu a parede de uma loja de peças. Mesmo assim, o suspeito prosseguiu a fuga a pé e foi contido duas quadras depois do acidente.

No Peugeot 206 foram localizadas drogas que seriam entregues aos usuários, sendo apreendidas 124 gramas de maconha, cinco gramas da super maconha conhecida como camarão e uma porção de cocaína. Em continuidade, a equipe policial foi até a residência e localizaram 18,6 quilos de maconha e 21 isqueiros.

Em outra ação nessa quinta-feira, os agentes do Denarc, coordenados pela delegada Ana Flávia Leite, apreenderam em torno de R$ 35 mil em dinheiro oriundo do narcotráfico. O flagrante aconteceu no bairro Lomba do Pinheiro.

Um suspeito foi detido. Ele foi identificado como uma liderança local do tráfico de drogas. A delegada Ana Flávia Leite observou que a denúncia apontava que ele ostentava carros de luxo e tinha seguranças com armas de fogo. 


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895