Denarc já apreendeu 2,4 toneladas de maconha no RS, diz Polícia Civil

Denarc já apreendeu 2,4 toneladas de maconha no RS, diz Polícia Civil

Houve sequestro judicial de R$ 17 milhões em patrimônio e recolhimento de R$ 1 milhão em dinheiro, além de 300 prisões

Correio do Povo

Traficantes têm enormes prejuízos com perdas de entorpecentes, bens e valores

publicidade

O Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc) da Polícia Civil divulgou na manhã desta terça-feira o balanço das apreensões de drogas por parte de suas equipes desde o início de 2020 no Rio Grande do Sul. Cerca de 2,4 toneladas de maconha, 130 quilos de cocaína e 20 quilos de crack, além de mais de 25,5 mil comprimidos de ecstasy, já foram recolhidos este ano. Houve 300 prisões no período. Em torno de R$ 17 milhões em patrimônios dos traficantes foram sequestrados judicialmente. Os agentes também retiraram de circulação 103 armas e 4.678 munições, bem como aproximadamente R$ 1 milhão em dinheiro oriundo dos traficantes,  "O aumento das ações e apreensões mesmo nesse período de calamidade, demonstrando que a Polícia Civil está atenta aos movimentos dos traficantes no Estado", avaliou o diretor de investigações do Denarc, delegado Carlos Wendt à reportagem do Correio do Povo.

Os mais recentes flagrantes ocorreram durante ações iniciadas ainda nesta segunda-feira. Em Alvorada, a equipe do delegado Alencar Carraro apreendeu cerca de 30,7 quilos de maconha, em torno de 11,6 quilos de cocaína e 220 gramas de crack, além de duas pistolas calibres 380 com quatro carregadores. Houve ainda o recolhimento de duas balanças de precisão e um Peugeot 407.

A ação ocorreu em um depósito, mantido por uma facção criminosa envolvida com o tráfico de drogas, situado na avenida Pátria, no bairro Formoza. Uma traficante foi presa no local, mas o cúmplice dela conseguir fugir ao perceber a chegada dos agentes, mas já foi identificado e considerado foragido a partir de agora.

Em Porto Alegre, os policiais civis sob comando do delegado Fernando Siqueira apreendeu mais de sete quilos de maconha em uma residência no bairro Passo D´Areia. Um traficante foi detido em flagrante. Já a equipe da delegada Caroline Jacobs encontrou uma plantação de maconha de alta qualidade em um apartamento de um prédio no bairro Cidade Baixa. No local havia ainda droga pronta para a comercialização. Dois indivíduos foram presos.

Em São Leopoldo, uma ação da equipe do delegado Fernando Siqueira resultou no recolhimento de quase três quilos de maconha no bairro São Miguel. Um traficante foi detido. Já em Canoas, um criminoso foi preso com um revólver calibre 38 e munição no bairro Rio Branco.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895