Dupla que usava praça de condomínio para vender drogas é presa em Canoas

Dupla que usava praça de condomínio para vender drogas é presa em Canoas

Moradores tiveram o acesso à rua restrito em razão dos criminosos

Rádio Guaíba

Foram apreendidos quase R$ 2,5 mil em espécie, além de maconha e um carro

publicidade

A Polícia Civil prendeu, neste sábado (18), dois criminosos que transformaram a praça de um condomínio residencial em um ponto de tráfico de drogas. A dupla era investigada há quatro meses, tendo sido alvo de múltiplas denúncias por parte dos moradores da região. Grande parte deles eram idosos.

Segundo o delegado Rodrigo Caldas, responsável pela Operação Toque de Recolher, a praça onde eram vendidos os entorpecentes dava acesso à calçada da rua, através de uma grade. “A operação foi resultado especialmente de um apelo social. Pessoas de bem não podem ser reféns da criminalidade, muito menos dentro de suas próprias casas”, pondera.

Ao todo, foram cumpridos dois mandados de prisão preventiva, três de busca e apreensão e cinco medidas cautelares judiciais. Chama a atenção o fato de que, durante o trabalho dos policiais, um dos investigados chegou a sair do condomínio para buscar mais drogas. Ele acabou detido assim que retornou.

Dentre os itens recolhidos pelos agentes, destaca-se o veículo que os traficantes usavam para o transporte dos entorpecentes – também empregado na distribuição e entrega de drogas. Quase R$ 2,5 mil em espécie foram recolhidos, assim como maconha e aparelhos de celular.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895