Família concorda em doar órgãos de menino baleado em Canoas

Família concorda em doar órgãos de menino baleado em Canoas

Morte encefálica foi decretada nessa segunda-feira

Hygino Vasconcellos

publicidade

Serão doados os órgãos do menino de nove anos que foi baleado na cabeça na última sexta-feira em Canoas, na região metropolitana, e que teve a morte encefálica decretada na segunda-feira. A família da criança concordou em fazer o procedimento e o corpo do menino foi transferido do Hospital de Pronto Socorro (HPS) para o Hospital Santa Casa, ambos em Porto Alegre.

Agora o corpo passa por exames de compatibilidade e as informações colhidas pelas equipes devem ser repassadas para a Central de Transplantes do Estado. Serão analisados os tipos sanguíneos dos possíveis receptores e tamanhos dos órgãos, entre outros. A casa de saúde informou que até oito pessoas podem receber órgãos do menino, o que deve ser definido após o exame de compatibilidade.

A casa de saúde informou que, por uma questão de legislação, não serão divulgados informações referentes aos beneficiados pela doação, que ainda estão indefinidos.

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895