Foragido por homicídios é preso em igreja na zona leste da Capital

Foragido por homicídios é preso em igreja na zona leste da Capital

Homem era procurado pela polícia há quatro anos

Kyane Sutelo

Homem é natural de Candelária, um dos municípios onde era procurado por homicídio

publicidade

Um homem de 42 anos foi preso pela Polícia Civil dentro de uma igreja na região conhecida como Tamanca, na Lomba do Pinheiro, zona leste de Porto Alegre. Ele era procurado há quatro anos por crimes de homicídio nos municípios de Candelária e Sobradinho, no Vale do Rio Pardo, pelos quais tinha mandados de prisão. Os policiais chegaram até o foragido por meio de denúncia repassada pelo telefone 181. O caso aconteceu no sábado, 11.

A prisão foi feita pela Delegacia de Capturas do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Decap/Deic). Os policiais realizaram diligências na região e localizaram o homem se passando por pastor em um culto evangélico. De acordo com o delegado Gabriel Casanova, que comandou a ação, o foragido era monitorado desde que ingressou no local, quando policiais também entraram e se misturaram às pessoas. “Ele foi o responsável por abrir o culto. Assim que acabou a primeira oração e se sentou, a equipe foi até ele e deu voz de prisão. Outros dois policiais estavam na porta também para dar apoio. Mas não houve qualquer tipo de resistência”, conta o delegado.

Ainda segundo Casanova, o preso informou que estava em Porto Alegre há alguns meses. Apesar da região ser conhecida por brigas de facções, a polícia não tem a confirmação de que ele tenha envolvimento com algum grupo criminoso local. O homem, que é natural de Candelária, foi encaminhado, após os procedimentos legais, ao Núcleo de Gestão Estratégica do Sistema Prisional (Nugesp).

A Polícia Civil pede que informações ou denúncias sejam encaminhadas pelos números 181 ou 0800 510 28 28.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895