Fornecedora de drogas de grupo criminoso é presa em Sapucaia do Sul

Fornecedora de drogas de grupo criminoso é presa em Sapucaia do Sul

Conhecida como Patroa, mulher coordenava o abastecimento de entorpecentes na cidade

Correio do Povo

Agentes apreenderam R$ 9,3 mil em dinheiro, 15 pinos de cocaína, material de preparo da droga e anotações

publicidade

Um sofisticado esquema de distribuição de drogas de um grupo criminoso foi desmantelado na manhã desta sexta-feira pela Polícia Civil na Região Metropolitana de Porto Alegre. A operação da 2ª DP de Sapucaia do Sul, coordenada pelo delegado Thiago Carrijo Fraga, resultou na apreensão de cerca de R$ 9,3 mil em dinheiro, 15 pinos de cocaína, vasto material utilizado para preparo da droga e anotações de contabilidade do narcotráfico. Um traficante, de 38 anos, foi presa.

Durante três meses, os policiais civis monitoraram os pontos de venda de drogas utilizados pelo grupo criminoso. Cada gerente ficava responsável por uma semana no controle da atividade de narcotráfico. Quando chegava o carregamento de entorpecente, eles tinham de imediatamente buscá-lo para diminuir o risco de perda com ações policiais.

Nas diligências, os agentes identificaram ainda o responsável pela distribuição de drogas aos gerentes e controle financeiro. Tratava-se de uma mulher, de apelido Patroa, que acabou sendo presa em flagrante delito. Ela já tinha antecedentes por tráfico de drogas, lesão corporal e receptação.

Os cerca de R$ 9,3 mil foram encontrados inclusive escondidos em um cano no meio da vegetação de um terreno. No local foram constatados diversos buracos o que indicou que o mesmo era utilizado para esconder drogas e dinheiro, além de embalagens ela realizava o controle financeiro do grupo criminoso, conhecido por agir com extrema violência nas áreas onde atua.

O delegado Thiago Carrijo enfatizou a importância da “prisão de lideranças criminosas e atacar as finanças do crime organizado”. Já o diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), delegado Mário Souza, recordou que a atuação das forças de segurança contribui para a redução dos principais indicadores de violência no município de Sapucaia do Sul.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895