Mais de sete quilos de drogas são apreendidos em três ações da PRF

Mais de sete quilos de drogas são apreendidos em três ações da PRF

Flagrantes ocorreram na BR 158, em Cruz Alta; BR 293, em Bagé; e BR 116, em Barra do Ribeiro

Correio do Povo

A maioria do entorpecente recolhido era cocaína

publicidade

Três flagrantes da Polícia Rodoviária Federal totalizaram a apreensão de mais de sete quilos de entorpecentes. Em Cruz Alta, um casal foi preso com aproximadamente quatro quilos de cocaína na BR 158, na noite da última sexta-feira. No trecho da rodovia, o efetivo da PRF interceptou um Volkswagen Gol, com placas de Charqueadas.

O entorpecente foi localizado. Com a quantidade apreendida seria possível produzir mais de dez mil porções para consumo. O homem, de 37 anos, e a mulher, de 43 anos, foram presos. Eles confessaram que a droga vinha da Região Metropolitana de Porto Alegre e estava sendo levada para a região Noroeste do Estado. A traficante já havia sido presa por narcotráfico.

Em Bagé, um indivíduo, de 31 anos, foi detido com cerca de um quilo de cocaína e em torno de um quilo de crack na BR 293. Ele era passageiro de um ônibus da linha intermunicipal Porto Alegre-Santana do Livramento. O indivíduo já tinha antecedentes por tráfico de drogas, porte ilegal de arma, roubo e receptação. De acordo com a PRF, o crack e a cocaína seriam levados até Santana do Livramento.

Em Barra do Ribeiro, uma traficante, de 35 anos, foi flagrada com quase um quilo de crack e uma balança de precisão na BR 116. Ela era passageira de um Renault Sandero, conduzido por um motorista de aplicativo. O condutor, de 34 anos, havia efetuado uma ultrapassagem em local proibido e foi então abordado pela PRF.

Durante a revista, os policiais rodoviários federais descobriram o entorpecente na bolsa da passageira. O motorista de aplicativo revelou que foi contratado pela mulher para levá-la de Porto Alegre até a cidade de Camaquã.

Dólares 

Em outra ação em Cruz Alta, o efetivo da PRF apreendeu 20 mil dólares norte-americanos, sem comprovação de origem, em um Volkswagen Voyage na BR 158. O dinheiro estava dentro de uma bolsa e de um casaco do motorista, de 32 anos, que vinha da fronteira com o Uruguai. O caso foi repassado para a Polícia Federal em Santo Ângelo. Ele responderá ao processo inicialmente em liberdade.   


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895