Motorista de aplicativo assaltado é salvo de sufocamento pela Brigada Militar em Canoas

Motorista de aplicativo assaltado é salvo de sufocamento pela Brigada Militar em Canoas

Vítima teve saco plástico colocado na cabeça pelos criminosos e colocada amarrada no porta-malas do veículo

Correio do Povo

Carro foi abandonado na rua Monique, no bairro São José, pelos assaltantes

publicidade

A Brigada Militar evitou que um motorista de aplicativo morresse sufocado, com um saco plástico na cabeça, na manhã desta sexta-feira em Canoas. O efetivo do 15º BPM realizava o patrulhamento ostensivo no bairro São José. Na rua Munique, os policiais militares suspeitaram de um Chevrolet Onix estacionado em local ermo.

Para surpresa de todos, um barulho vinha do porta-malas do veículo. Ao abrirem a tampa, os policiais militares depararam-se com o motorista de aplicativo amarrado e sufocando-se devido a um saco plástico enfiado na cabeça. Ele já estava quase desmaiando sem forças. A vítima havia conseguido rasgar um pequeno buraco no saco com os dentes, mas não podia respirar de modo suficiente. Uma equipe do Samu foi acionada e prestou os primeiros socorros ainda no local.

Os policiais militares do 15º BPM apuraram que o motorista de aplicativo havia realizado uma corrida para o bairro Guajuviras durante a madrugada desta sexta-feira. Ele foi abordado por dois criminosos armados que anunciaram o roubo e apossaram-se dos pertences, como dinheiro, telefone celular e documentos.

A vítima foi então imobilizada e teve o saco plástico colocado na cabeça, sendo trancado no porta-malas do Onix. O carro foi então levado e abandonado pelos assaltantes no bairro São José, onde acabou sendo localizado somente pela manhã quando, por sorte, os policiais militares desconfiaram do automóvel parado.

 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895