Polícia Federal desarticula esquema de importação ilícita de sucatas do Uruguai

Polícia Federal desarticula esquema de importação ilícita de sucatas do Uruguai

Organização criminosa foi alvo de operação em Santana do Livramento, Santa Maria e Doutor Maurício Cardoso

Correio do Povo

Houve bloqueio patrimonial de R$ 1,8 milhão com a apreensão de veículos e valores em contas bancárias

publicidade

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça-feira a operação La Basura para desarticular uma organização criminosa especializada na prática de importação ilícita de sucatas do Uruguai para o Brasil. Houve o cumprimento de três mandados de prisão e de outros cinco mandados de busca e apreensão em Santana do Livramento, Santa Maria e Doutor Maurício Cardoso.

Os agentes da PF executaram ainda ordens judiciais para bloqueio patrimonial estimado em R$ 1,8 milhão, com a apreensão de veículos e valores em contas bancárias. Três pessoas foram detidas. A ação teve apoio do Ibama e da Receita Federal.

A investigação indicou que a organização criminosa chegou a enviar ao Uruguai, mensalmente, cerca de R$ 500 mil para pagamento dos fornecedores, através de outro grupo investigado pela PF por lavagem de capitais e evasão de divisas. O grupo criminoso utilizava empresas de reciclagem formalmente constituídas para dar aparência de legalidade à importação, mediante a expedição de notas fiscais falsas. 

Os policiais federais apuram agora como eram utilizados ou comercializados os produtos trazidos para o território brasileiro, principalmente baterias automotivas usadas. Todo o material apreendido na ação desta terça-feira, como documentos, será analisado. O trabalho investigativo é conduzido pela PF de Santana do Livramento.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895