Quadrilha do conto do bilhete premiado é presa no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

Quadrilha do conto do bilhete premiado é presa no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná

No RS, a ação ocorreu na cidade de Passo Fundo

Correio do Povo

Investigação é dos policiais civis paranaenses

publicidade

Quatro integrantes de uma quadrilha responsável por aplicar o golpe do bilhete premiado foram presos no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná. No RS, a ação deflagrada pelos policiais civis paranaenses ocorreu em Passo Fundo. Um quinto criminoso não foi localizado e permanece sendo procurado.

A ação começou ainda na última quarta-feira. No total, os agentes cumpriram seis mandados judiciais de busca e apreensão em endereços relacionados aos suspeitos. Houve o recolhimento de documentos, falsos bilhetes premiados, telefones celulares e computadores, entre outros.

O golpe consiste em um dos integrantes do grupo criminoso fingir que é uma pessoa simples que ganhou um bilhete premiado da loteria e não sabe como fazer para receber o dinheiro. Na rua, ele aborda a potencial vítima, geralmente idosa, e começa uma conversa envolvente.

Em seguida, o falso ganhador afirma querer dividir a recompensa com a vítima e pede um valor para dar continuidade à proposta. Os demais cúmplices ficam ao redor dando veracidade à história. Os estelionatários deixam a vítima sozinha tão logo recebam o dinheiro.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895