Skunk apreendido dentro de um carro em Florianópolis havia saído de Pelotas

Skunk apreendido dentro de um carro em Florianópolis havia saído de Pelotas

Destino dos 65,1 quilos da super maconha era a Lagoa da Conceição

Correio do Povo

Apreensão foi realizada pela Polícia Militar de Santa Catarina

publicidade

A cidade gaúcha de Pelotas era a origem dos 65,1 quilos de skunk que foram apreendidos na noite do último domingo no bairro Centro, na Ilha de Florianópolis, em Santa Catarina. A confirmação é da Polícia Militar de SC, através do 16º BPM. A ação contou com a participação da Polícia Rodoviária Federal.

A droga, conhecida como super maconha, estava em um Chevrolet Onix, de cor preta, que foi abordado no elevado Carl Hoepcke, na área central da cidade. Houve perseguição desde a Via Expressa.

O traficante, um paulista de 25 anos, foi preso em flagrante. Ele admitiu que receberia a quantia de R$ 4 mil para transportar o entorpecente desde Pelotas até o bairro da Lagoa da Conceição, em Florianópolis.

Houve ainda a constatação de que o veículo tinha placas falsas. Dois telefones celulares foram também recolhidos. O caso foi encaminhado à Polícia Civil para os devidos procedimentos legais.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895