Susepe confirma flagrante de tentativa de burlar futuro bloqueio de celular na Pasc, em Charqueadas

Susepe confirma flagrante de tentativa de burlar futuro bloqueio de celular na Pasc, em Charqueadas

Equipamento, encontrado durante revista das celas, funciona com roteamento Wi-Fi, de conexão global via satélite

Correio do Povo

Unidade prisional é a primeira que receberá sistema de proteção

publicidade

A Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe) confirmou nesta quinta-feira o flagrante de uma tentativa de burlar o futuro sistema de bloqueadores de celular e radares anti-drones na Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (Pasc). No dia 20 de junho passado, por volta do meio-dia, os agentes apreenderam um aparelho de roteamento Wi-Fi, de conexão global via satélite, escondido em uma das celas.

O equipamento, medindo 11cm por 7cm, foi identificado através de uma revista de rotina realizada nas celas da unidade prisional, onde estão integrantes de uma facção criminosa do Vale do Rio dos Sinos. O caso está agora sob investigação no Departamento de Inteligência da Susepe.

“Esta tentativa decorre da mudança de paradigma no sistema prisional, uma vez que a Secretaria de Justiça e Sistemas Penal e Socioeducativo (SJSPS) está trabalhando na instalação de sistemas de bloqueadores de celular e radares anti-drones em 15 unidades prisionais”, informou a Susepe em nota oficial.

Conforme a Susepe, a Pasc é a primeira unidade prisional a receber o sistema. “A instalação foi iniciada no início de maio e tem previsão de conclusão para agosto. Isso inclui as fundações, a fabricação, a entrega e a montagem das torres”, esclareceu.

“Além disso, a SJSPS está trabalhando na implementação das chamadas “No Fly Zones”, áreas de bloqueio ao voo de veículos aéreos não tripulados-VANTs (Drones). As NFZ’s (No Fly Zones) são áreas delimitadas ao bloqueio de voos para VANT’s, sistemática já utilizada nos aeroportos brasileiros e outros locais sensíveis e que são administrados, normatizados e regulados pelo Ministério da Defesa através do Comando da Aeronáutica e de órgãos subordinados”, acrescentou no comunicado.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895