Suspeito de envolvimento em ataque a tiros que matou bebê no colo do pai é preso em Caxias do Sul

Suspeito de envolvimento em ataque a tiros que matou bebê no colo do pai é preso em Caxias do Sul

Menino de seis meses morreu após ter sido baleado na cabeça

Marcel Horowitz

publicidade

A Polícia Civil prendeu temporariamente, na madrugada desta segunda-feira, um homem suspeito de ser um dos envolvidos no homicídio de um bebê de seis meses em Caxias do Sul. O investigado foi detido quando guiava um Fiat Brava de cor branca, mesmo veículo utilizado pelos autores dos disparos.

A criança morreu no final da tarde desse domingo, após ter sido baleada na cabeça, na rua Nonoai, no loteamento Cidade Industrial. Segundo o boletim da ocorrência, Benício Paim Costa foi atingido quando estava no colo do pai, Valdemar de Souza Costa, que seria o alvo do ataque. O homem de 22 anos, que também foi atingido, permanece hospitalizado em estado grave.  

Ainda de acordo com o registro, pai e filho foram alvejados na frente de casa, com pelo menos 20 tiros. Após os disparos, os criminosos fugiram em um veículo, que foi localizado nessa madrugada com o preso.  

Segundo o delegado Caio Fernandes, titular da Delegacia de Homicídios de Caxias do Sul, dois dias antes do crime, um mandado de prisão temporária já havia sido expedido contra o suspeito, por conta de envolvimento em outra tentativa de homicídio. "O cumprimento dessa prisão estava em sigilo e seria feito em ação planejada para o início desta semana. Ocorre que, em razão do alvo também ter se envolvido neste novo fato, como o responsável pelo veículo usado no crime, o cumprimento do mandado de prisão dele foi antecipado", destacou.

Fernandes, no entanto, evitou comentar sobre quantos suspeitos estão sendo investigados pelo atentado. "É necessário desenvolver mais a investigação. Seguem as diligências para apurar a participação de outros indivíduos e demais circunstâncias."


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895