Governo vai usar recursos do Fundo Amazônia em apoio aos yanomami

Governo vai usar recursos do Fundo Amazônia em apoio aos yanomami

Sem informar o valor, Marina Silva anunciou que dinheiro será usado em ações emergenciais de combate à crise humanitária vivida pelos indígenas

Agência Brasil

publicidade

O governo federal vai utilizar recursos do Fundo Amazônia em ações emergenciais de combate à crise humanitária vivida por indígenas yanomami em Roraima. Foi o que informou a ministra do Meio Ambiente, Marina Silva, em coletiva de imprensa na sede da pasta, em Brasília,  no encontro com a ministra da Cooperação Econômica e do Desenvolvimento da Alemanha Svenja Schulze. “Essas ações emergenciais estão sendo tratadas em vários níveis, que envolvem desde a questão da saúde, o tratamento da grave situação de fome que está assolando essas comunidades, a parte da segurança.”

Crimes

 Marina também acusou o governo Jair Bolsonaro de crimes de lesa-pátria e lesa-humanidade contra comunidades indígenas.

“Não tenho dúvida de que foi uma atitude genocida em relação às populações indígenas brasileiras e de que o governo federal está agindo emergencialmente diante de uma situação difícil, em que temos que recuperar as políticas, as instituições, os equipamentos públicos.”

Também durante a coletiva, a ministra alemã anunciou a liberação de cerca de 200 milhões de euros a serem empenhados em ações ambientais no Brasil num período de 100 dias. O aporte total inclui 35 milhões para o Fundo Amazônia e 31 milhões para apoio a estados da Amazônia na implementação do que o governo alemão se refere como “ações ambiciosas” para maior proteção da floresta.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895