Melo promete a rodoviários maior prazo para debate sobre desestatização da Carris

Melo promete a rodoviários maior prazo para debate sobre desestatização da Carris

Prefeito se comprometeu a não colocar em votação o projeto de lei 013/21 nos próximos 10 dias

Eduardo Andrejew

Enquanto isso a categoria terá tempo de elaborar uma contraproposta para solucionar a questão financeira da empresa

publicidade

Após reunião com rodoviários na tarde desta segunda-feira, o prefeito Sebastião Melo concordou em estabelecer um maior prazo para debater com a categoria o projeto de lei 013/21, que, se for aprovado, permitirá a desestatização da Carris. A prefeitura de Porto Alegre se comprometeu a não colocar em votação o projeto nos próximos 10 dias. 

Enquanto isso a categoria terá tempo de elaborar uma contraproposta para solucionar a questão financeira da empresa. “Nosso protesto encerra neste  momento”, disse o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Porto Alegre (Stetpoa), Sandro Abbáde. O acordo foi fechado após um dia marcado por mobilizações dos funcionários da empresa, que chegaram a decidir entrar em greve por tempo indeterminado. 

Apesar disso, foi mantido o corte de ponto dos funcionários que aderiram à paralisação. De acordo com Abbáde, a categoria já esperava por isso. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895