Ministério da Saúde antecipa campanha de vacinação contra gripe
capa

Ministério da Saúde antecipa campanha de vacinação contra gripe

Ação deverá ter início em 23 de março, e não em abril, como inicialmente planejado

Ao todos, serão disponibilizada 75 milhões de doses, valor recorde


publicidade

O Ministério da Saúde anunciou nesta quinta-feira que vai adiantar a campanha de vacinação contra a gripe em território nacional por causa do risco de surto de coronavírus (Covid-19). Apesar de serem causados por agente patológicos diferentes, muitos dos sintomas são semelhantes. “O objetivo antecipação é diminuir a espiral de epidemia deste vírus (Influenza) que pode confundir a população e auxiliar muito o sistema de saúde”, afirmou o titular da pasta, Luiz Henrique Mandetta em coletiva de imprensa em São Paulo.

A ação, programada inicialmente para começar no dia 13 de abril ser realizada até meados de maio, deverá ter início já no dia 23 de março. Além disso, será disponibilizado um recorde de 75 milhões de doses pelo Instituto Butantan – no ano passado, foram 65 milhões. 

A orientação é de que a população espere o início da campanha, porque a vacina formulada para este ano é baseada em pesquisas que apontam os vírus de maior circulação no momento. Assim, as distribuídas no ano passado, podem não dar a mesma proteção, dada a mutabilidade.