Padilha diz que Lula, Lira e líderes da Câmara devem se reunir na quinta para retomar agenda

Padilha diz que Lula, Lira e líderes da Câmara devem se reunir na quinta para retomar agenda

Ministro das Relações Institucionais falou em transição ecológica proposta do Novo Ensino Médio como prioridades do governo

Estadão Conteúdo

De acordo com Padilha, o governo queria promover tal encontro no final de 2023

publicidade

O ministro da Secretaria das Relações Institucionais (SRI), Alexandre Padilha, afirmou que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve se reunir com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e líderes da Casa na quinta-feira, dia 22.

O encontro deve ocorrer logo após a posse do novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Flávio Dino. 'Vamos ter ainda esta semana um encontro que o presidente Lula está convidando, os líderes da Câmara, o presidente da Câmara para que a gente possa ter um encontro, provavelmente, na pré-agenda do presidente, na quinta-feira depois da posse do ministro Flávio Dino no STF', afirmou Padilha em declaração à imprensa nesta terça-feira, 20, após reunião com Lula, ministros e líderes do governo no Palácio do Planalto.

De acordo com Padilha, o governo queria promover tal encontro no final de 2023, mas não foi possível por conta das agendas do Congresso e do chefe do Executivo. 'A reunião é Uma oportunidade da gente retomar esse encontro, esse diálogo, reforçar essa agenda inicial', disse o ministro. O chefe da SRI afirmou que, desde o início do mandato, Lula participa da articulação do governo, mesmo com diversas agendas internacionais no ano passado. 'Quem lidera a articulação política do governo é o presidente Lula', reiterou.

Em 2024, contudo, o perfil de viagens do presidente mudou e o petista passará a focar em viagens a Estados diante das eleições municipais. 'Este ano, como a agenda internacional vem ao Brasil, faz com que ele Lula possa estar mais presente aqui no Brasil nesse processo de articulação política', comentou. Na fala, Padilha também citou as prioridades do governo no Congresso, tema central da reunião realizada na manhã desta terça. De acordo com o ministro, além da consolidação do equilíbrio econômico no País, outras prioridades da gestão Lula 3 serão dialogar e aprovar a transição ecológica e a discussão da proposta do Novo Ensino Médio.


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895