Senado mantém previsão de votar Previdência completa em 2019
capa

Senado mantém previsão de votar Previdência completa em 2019

Líderes decidiram por não prorrogar prazo de tramitação da PEC paralela

Por
R7

Líderes "concordaram em manter o prazo atual", explicou Alcolumbre

publicidade

Os líderes do Senado Federal mantiveram o acordo sobre os prazos de tramitação das duas PECs que tratam da reforma da Previdência na Casa: a PEC 6, aprovada na Câmara, e a PEC 133, a chamada PEC Paralela, que irá incluir Estados e municípios. 

As duas propostas estão tramitando em paralelo, mas a 6 tem entre dez e quinze dias de tramitação à frente, de acordo com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre. Na tarde da última quarta-feira houve a tentativa dos líderes de estender o prazo de tramitação da parelala, mas se isso ocorresse não haveria tempo hábil da Câmara aprovar a proposta até o fim do ano legislativo de 2019.

O presidente Alcolumbre explicou: "Ontem estavam pensando em suprimir tempo em relação à celeridade da 133. Se a gente perder 15 dias ou 20 dias da 133 ficamos inviabilizados de enviar ainda esse ano para que a Câmara analise em 40 sessões, que é o prazo regimental. Os líderes concordaram em manter o prazo, eles queriam de 25 a 45 dias mas concordaram em manter o prazo atual. Esse ano termina, a conversa foi essa."