Vice-presidente Mourão recebe medalha do Mérito Farroupilha em Porto Alegre
capa

Vice-presidente Mourão recebe medalha do Mérito Farroupilha em Porto Alegre

Cerimônia ocorreu na Assembleia Legislativa

Por
Gustavo Chagas / Rádio Guaíba

Vice-presidente Hamilton Mourão recebeu medalha do Mérito Farroupilha

publicidade

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB), foi homenageado com a medalha do Mérito Farroupilha nesta sexta-feira. A honraria foi proposta pelo deputado estadual Tenente-Coronel Zucco (PSL), que foi subalterno do General no Exército. Natural de Porto Alegre, Mourão foi recepcionado por autoridades políticas e militares do Rio Grande do Sul na Assembleia Legislativa. Em seu discurso, Mourão agradeceu pela distinção, destacando que a medalha representa o povo gaúcho por meio de seus representantes eleitos.

O vice-presidente defendeu as reformas projetadas pelo governo federal. No entanto, nos 9 minutos e 12 segundos de manifestação, não fez nenhuma menção ao nome do presidente Jair Bolsonaro. Mourão afirmou que o Brasil é pressionado pelo restante do mundo, que estaria “estacionado”, em razão do crescimento do país. “Nós temos uma via de acesso aberta, desde que, façamos as reformas que são mais do que necessárias”, pontuou. “Para que se crie um ambiente de confiança e previsibilidade e, como consequência, investimentos aflorem e, a partir daí, a economia entre nos trilhos e e puxe o restante das necessidades desta Nação”, completou o vice-presidente.

Mourão elogia Roosevelt

Hamilton Mourão também defendeu a superação da desigualdade com o crescimento econômico, sustentando o papel do Estado em áreas como educação, saúde e infraestrutura. “A visão do nosso governo é chegar a 2022 com essas reformas aprovadas”, continuou. O General encerrou seu discurso citando as chamadas “quatro liberdades” pregadas pelo ex-presidente dos Estados Unidos Franklin Delano Roosevelt (1882-1945). Em pronunciamento de 1941, o americano listou as liberdades de expressão, religiosa, de viver sem penúria e de viver sem medo.

A guerra comercial entre Estados Unidos e China também foi um dos pontos destacados pelo General em seu pronunciamento, junto da evolução tecnológica. Mourão se emocionou ao assistir um vídeo com depoimentos de antigos colegas das Forças Armadas e de amigos e parentes. O vice-presidente deixou a Assembleia sem se comunicar com a imprensa.