Compost barn vira alternativa para aumentar produtividade

Compost barn vira alternativa para aumentar produtividade

Técnica de confinamento visa reduzir custos de implantação e manutenção, melhorar índices produtivos e sanitários e possibilitar o uso correto de dejetos orgânicos oriundos da atividade

Por
Correio do Povo

publicidade

Após visitar propriedades em outras regiões do Estado, o pecuarista Davi de Moraes Gass se tornou o primeiro de Santa Cruz do Sul a implantar a técnica de confinamento conhecida como compost barn (estábulo com compostagem) na propriedade em Cerro Alegre Alto. O método visa reduzir custos de implantação e manutenção, melhorar índices produtivos e sanitários dos rebanhos e possibilitar o uso correto de dejetos orgânicos provenientes da atividade.

Para isso, o agricultor ergueu um galpão de 1,3 mil metros quadrados com capacidade para 72 vacas leiteiras confinadas. A estrutura física coberta visa melhorar o conforto e bem-estar dos animais e, consequentemente, aumentar os índices de produtividade. Entre as vantagens, Gass cita o aumento da produção em área menor. E como não haverá o pisoteio dos animais em áreas produtivas, poderá aproveitar melhor este espaço para o cultivo de milho e feno.


Além disso, a técnica reduz o serviço, pois não há necessidade de manejar os animais. O produtor conta com 52 vacas da raça Holandês e uma produção média de 1,7 mil litros por dia. O volume já aumentou cerca de 20% por animal com o novo sistema.