Preço do milho preocupa avicultura gaúcha

Preço do milho preocupa avicultura gaúcha

Segundo Asgav, cotação dos grãos registrou alta de 102,6% nos últimos 12 meses

Danton Júnior

publicidade

A Associação Gaúcha de Avicultura (Asgav) voltou a manifestar preocupação com o aumento no preço do milho. Embora a cotação dos grãos tenha apresentado algum recuo nos últimos dias, a entidade divulgou levantamento que aponta uma alta de 102,6% nos últimos 12 meses, índice 12 vezes maior do que a inflação do período, que é de 8,06%, conforme o IPCA. Já o farelo de soja acumulou alta de 46,3% no período. Os dois itens são os principais componentes da ração animal. 

Segundo o presidente da Asgav, José Eduardo dos Santos, muitos criadores e indústrias têm decidido, por iniciativa própria, reduzir a produção para evitar repassar a alta ao consumidor. “Queremos continuar sendo a proteína animal mais acessível na mesa de todos”, resume o dirigente. De acordo com Santos, se antes o custo para alimentar 10 mil aves era de R$ 19,2 mil, hoje é de R$ 40 mil.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895