Sem feiras, agroindústria familiar espera linha especial de crédito

Sem feiras, agroindústria familiar espera linha especial de crédito

Da Redação

publicidade

A Fetag decidiu pedir à ministra da Agricultura, Tereza Cristina, uma linha específica de financiamento para as agroindústrias familiares afetadas pelo cancelamento de feiras no Rio Grande do Sul. Segundo o presidente da entidade, Carlos Joel da Silva, o prejuízo do segmento tem se acentuado desde o ano passado e ficou ainda mais preocupante com a suspensão da Expoagro Afubra, da Expoagro Cotricampo, da Expodireto Cotrijal e da Feira Estadual da Agricultura Familiar Sabor Gaúcho de Torres, que ocorreriam neste início de ano. “É correto cancelar os eventos, mas é preciso ajudar as famílias a sobreviverem”, comentou.


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895