Novembro Azul: campanha alerta para importância do exame de próstata

Novembro Azul: campanha alerta para importância do exame de próstata

Iniciativa faz parte do Programa Viver Bem, da Unimed Porto Alegre

Felipe Samuel

Colaboradores e pacientes participaram da atividade em Porto Alegre

publicidade

Como parte da campanha Novembro Azul, que visa à conscientização a respeito de doenças masculinas, com ênfase na prevenção e no diagnóstico precoce do câncer de próstata, um grupo se reuniu nesta sexta-feira no Monumento ao Expedicionário, no Parque Farroupilha, e promoveu a atividade Dança Azul. A iniciativa faz parte do Programa Viver Bem, da Unimed Porto Alegre, e busca alertar o público masculino sobre a importância de cuidar da saúde e incentivar a qualidade de vida.

Gerente da área do Programa de Saúde da Unimed Porto Alegre, Graziela Hax Marques explica que a ação tem por objetivo reunir colaboradores, comunidade e pacientes para um momento especial. “Com esse momento de dança queremos celebrar a questão da promoção e prevenção de todas as doenças, mas principalmente no mês de novembro pensando na saúde do homem, porque o homem às vezes é um pouco mais resistente que as mulheres no processo de busca de fazer um processo maior de prevenção de autocuidado”, avalia.

Conforme Graziela, a Dança Azul faz parte de uma série de atividades desenvolvidas por meio do Programa Viver Bem. Ela reforça a importância de atividades ao ar livre. “A gente fez o Outubro Rosa e falamos em relação às mulheres, mas a gente fala em relação às mulheres, aos idosos, às crianças, enfim, para que a gente possa se cuidar, estar com os nossos exames em dia e com a nossa saúde em dia”, afirma. Por meio do site https://www.unimedpoa.com.br/viverbem, o público pode verificar as atividades programadas para o mês de novembro. 

“A gente tem uma equipe multidisciplinar com médicos, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, assistentes sociais, fisioterapeutas e educadores físicos. É um time forte, multidisciplinar, para trabalhar com um processo de promoção, prevenção e engajamento da população em relação à sua saúde”, completa.

 


Mais Lidas

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895