30 de janeiro de 1920 - Taxas de caes

30 de janeiro de 1920 - Taxas de caes

Ouça o que foi notícia há um século

Correio do Povo

As mercadorias que se destinavam ao interior do Estado passaram a ser taxadas

publicidade

O jornal Correio do Povo de 30 de janeiro de 1920 noticiava: "Hontem, no armazem onde funcciona a administração do caes, á praça Senador Florencio, teve inicio o processo e a arrecadação das taxas de caes, das mercadorias que se destinam ao interior, por via fluvial. Das 7 1/2 até ás 16 1/2 horas, o fiel do thesoureiro da Mesa de Rendas local, acompanhado de tres funccionarios daquella repartição e de mais um empregado do caes, attendeu a todos os interessados".

O cais do porto se tornou uma grande referência no transporte fluvial no século passado, com a alta demanda de produção e de transporte de materiais e mercadorias, o Governo do Estado começou a cobrar taxas, para poder investir na infraestrutura e na crescimento do local.

Ouça:

 

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895